#6 - COSTA VICENTINA / ALENTEJO COAST


Uma das costas mais belas do mundo. Bela e muitas vezes selvagem, onde a mão humana ainda não teve tempo de fazer muitos estragos.

Como opção partimos da cidade de Setúbal, aproveitando para visitar Palmela e Alcácer do Sal, sempre locais merecedores de visita. Contudo a verdadeira aventura começa em Comporta, apanhando aí estradas e estradões secundários até ao nosso destino, Aljezur.

 ----

One of the most beautiful coastlines in the world. Beautiful and often wild, where human hand has not had time to do much damage.

Optionally we start from the city of Setúbal, taking the opportunity to visit Palmela and Alcacer do Sal, always deserving locals. But the real adventure begins in Comporta, taking side roads and dirt roads there until our destination, Aljezur.

Mais a sul, sairemos para a esquerda, para a R262-5 passando na Lagoa de Sto André, em direção a Sines, (cidade industrial e portuária). A beleza daqui para a frente começa aos poucos a tornar-se indescritivel, Praias bravas e rochosas, arribas enormes e selvagens, aves enormes, areais a perder de vista, cabos vertiginosos e estradas lindas e sossegadas.

----

Further south, we will leave to the left, to R262-5 passing in the Lagoon of St. André, toward Sines (industrial and port city). The beauty going forward begins gradually to become indescribable, wild and rocky beaches, huge cliffs and wild, huge birds, sand out of sight, vertigo capes and beautiful and quiet roads.

#5 - GRAN CANARIA





see more...

#5 -GRAN CANARIA


A Proposta é a de uma volta muito agradável pelo interior da ilha espanhola da Gran Canária. A saída é de uma das praias mais famosas da ilha; da Playa del Inglês. O percurso é de montanha em estradas estreitas e bem alcatroadas, que pode ser feito em qualquer moto que se alugue. motos de aluguer ou motos-tivoli. As paisagens (vulcânicas) são deslumbrantes, vistas espectaculares para antigos vulcões , há muito extintos e para profundos vales.

 click para MAPA . Tipicas aldeias, como por exemplo, S. Bartolomé de Tirajana, com esplanadas onde se come maravilhosamente ou se relaxa com uma bebida fresca.
Como nota importante deixo o conselho para levar uma roupa mais quente na mochila (polar ou blusão) é normal que lá em cima a temperatura baixe substancialmente, poderá inclusivé chuviscar ou fazer nevoeiro, principalmente nas encostas mais expostas a Norte. Aconselho também muita prudência, há camionetes de excursão que ocupam a largura toda da estrada, mesmo na mais larga a CG60.

É um passeio que obviamente se faz num só dia, no entanto, e mediante marcação previa, não faltam locais onde dormir, alguns de grande luxo, por exemplo o parador-de-cruz-de-tejeda ou noutra filosofia o Campamento_El_Garanon .

Como nota Histórica fica que a sua redescoberta foi feita por Portugal antes de Agosto de 1336 . A sua posse, entretanto, foi atribuída ao reino de Castela pelo papa Clemente VI, o que suscitou um protesto diplomático do rei Afonso IV de Portugal por carta datada de 12 de fevereiro de 1345. !

disfrute
-----

The Proposal is a very pleasant walk around the inside of the Spanish island of Gran Canaria. The start is from one of the most famous beaches of the island; Playa del Inglés. This ride is in narrow and well paved roads in the mountain, which can be done on any bike that you rent. motos de aluguer ou motos-tivoli. The landscapes (volcanic) are stunning, spectacular views of ancient volcanoes, long time extincts and deep valleys. click for MAP . Typical villages, such as S. Bartolome de Tirajana, with terraces where you can eat wonderfully or relax with a cool drink. 

As an important note, I leave the council to take a more warm clothes in the backpack (polar or jacket) is normal that up there the temperature drops substantially, inclusive can drizzle or fog do, especially in the most exposed to the north slopes. Also advise great caution, there are bus tours occupying the entire width of the road, even at the widest the CG60.It's a ride that obviously you makes in one day, however, and by prior appointment, there are many places where to sleep, some great luxury, for example the  parador-de-cruz-de-tejeda or Campamento_El_Garanon .  

Historical note: Its rediscovery was made by Portugal before August 1336. The possession, however, was attributed to the kingdom of Castile by Pope Clement VI, which triggered a diplomatic protest of King Afonso IV of Portugal in a letter dated February 12, 1345!
enjoy


see more...

#4 - ALTO DOURO / HIGH DOURO RIVER

 
Este é sem dúvida um dos roteiros mais belos da Europa ! A partida é de Vila Real de Trás -os-Montes, cidade acolhedora onde aconselho a jantar e a pernoitar. O "Museu dos Presuntos", (cujo nome não tem nada a ver), é uma sugestão muito aceitável, mas há muitas outras! Pelo meio, uma visita ao Solar de Mateus não é de desperdiçar! De manhã cedo o melhor será fazeres-te à estrada, (há muito que andar), e descer pela N322 e N323 até ao Pinhão, atravessando aí o glorioso Rio Douro.

Volta depois à esquerda para a N222 em direção a Ervedosa do Douro. E se o princípio do troco não é ainda muito interessante, aguarda, porque logo a seguir a paisagem é simplesmente deslumbrante! Esta é talvez uma das estradas que mais prazer me dá! (E se fizeres um pequeno desvio no Pinhão para ires e vir à cidade da Régua, então sim disfrutarás de um percurso espantosamente bem desenhado, diria um Top!) Segue então em direção a São João da Pesqueira, onde desces pela N222-3 (atenção é pela esquerda) , voltando a apanhar a N222 já muito perto de Sebadelhe. Nesta andaremos pouco, já que logo a seguir sairemos em direção a Freixo do Numão pela N324.
 

 Muito perto de Freixo do Numão, aconselho a Visita às ruínas do Castelo Velho do Numão, (onde dediquei um capitulo do meu romance "1385, o Golpe dos Bastardos". Tratam-se de vestígios com mais de 4000 anos Castelo Velho do Numão da idade do Cobre ou do Bronze. A não perder. Goza as vistas e a calmaria e faz uma pausa!

Depois, seguindo a mesma estrada, podes fazer um pequeno desvio até Vila Nova de Foz Coa, e se tiveres tempo, vai mais a sul e vê as famosas gravuras paleolíticas.

Mas é para Norte que este roteiro aponta, atravessando novamente o Douro pela Barragem do Pocinho e virando logo a seguir para a direita , pela marginal em direção a Peredo dos Castelhanos, apanhando posteriormente a N325 que o ligará a Freixo de Espada à Cinta. (já no Parque Natural do Douro Internacional.


----

This is undoubtedly one of the most scenic routes in Europe! Departure is from Vila Real de Trás-os-Montes, welcoming city where you are advised to dinner and stay overnight. The "Museu do Presunto" (whose name has nothing to do), is a very acceptable suggestion, but there are many others! In between, a visit to the Solar de Mateus, it's no waste! Early morning is best to do to the road (there is long way to go), and down the N322 and N323 to Pinhão, then crossing the glorious Douro River. 

Back then left onto the N222 towards Ervedosa do Douro. And if in the beginning is not very interesting, stay tuned, because immediately after, the scenery is simply stunning! Mainly after São João da Pesqueira, where we descend by N222-3 (attention is on left), returning to take the N222 already, very close to Sebadelhe. Soon after we will leave N222 toward Freixo do Numão on N324. (continua)


see more...

#4 - PELO ALTO DOURO / HIGH DOURO RIVER

                                     Douro Vinhateiro (Douro viniards)
                                      Rio Douro (Douro River)
                                   Alto Douro (Douro River near Miranda do Douro)
                                     Linha do Tua
see more...

#3 - EQUIP & PREP.



Viagem aos Pirenéus, por Constantino Sousa.

Os preparativos para uma viagem desta natureza, são normais. Não vamos propriamente para o meio do deserto, nem subir o Everest! No entanto, há algumas particularidades que não podemos descuidar, para que a mesma seja agradável e confortável. O primeiro ponto a ter em conta é que nesta viagem, é muito provável apanharmos diferenças climatéricas consideráveis, mesmo no Verão! Em parte do percurso vamos apanhar temperaturas quentes, noutra parte do percurso vamos apanhar chuva e lá em cima vamos apanhar frio. Sim, frio! Nos maciços pirenaicos, mesmo no verão faz frio! Portanto é importante pensar no fato que vai levar. O ideal é levar um de Cordura que tenha rede exterior para entrada de ar fresco, quando o tempo estiver quente. O mesmo fato terá que estar preparado com colete waterproof desmontável e colete gore-tex, também desmontável. Como segurança, aconselho a levar um fato impermeável para vestir por cima, para o caso de apanhar muita chuva. Leve pelo menos um polar. Se tiver que viajar de noite nas montanhas, vai agradecer a si mesmo ter tomado essa opção! Leve umas braçadeiras reflectoras, de noite é importante ser visto! Nunca esqueça: a condução de um motard é sempre defensiva. Leve também uns tampões para os ouvidos. Nas viagens mais longas, vai dar jeito, pois por muito bom que seja o capacete, os zumbidos existem!

#3 - PIRENÉUS / PYRENEES



Publico aqui um "Roteiro" de sonho, gentilmente partilhado pelo amigo Constantino Sousa ( ver Amigos / friends) que gentilmente acedeu ao meu convite de colaborar neste blog (que está aberto a todos que queiram  partilhar as suas experiências.
 

I publish here a 'roadmap' dream, kindly shared by my friend Constantine Sousa (see Profiles link above) who kindly agreed to my invitation to collaborate on this blog



Fui convidado pelo meu amigo Francisco para partilhar as minhas experiências de viagens, no seu blogue. Aceitei (e com muita honra, verdade seja dita!) e pensei qual a viagem que deveria partilhar. Quais os meus conselhos para uma viagem (ver secção Gear/equipm ) em que vamos estar ausentes durante uns dias. Uma viagem onde temos de preparar tudo com alguma antecedência, para que, no possível, tudo corra bem. Decidi partilhar uma volta pelos Pirenéus. Não porque seja esta a melhor viagem, mas porque é  interessante.
Sei que o objetivo deste Blogue destina-se a viagens de curta duração. Assim, foi esta a viagem que eu entendi partilhar!

I was invited by my friend Francisco to share my travel experiences in his blog. I accepted (and with great honor, truth be told!) and thought that the trip should share. What are my tips for a trip (see section Gear / equipm) where we will be absent for a few days. A journey where we have to prepare everything well in advance, so that in the possible, all goes well. I decided to share a ride by the Pyrenees. Not because this is the best trip, but because it is interesting.
I know the purpose of this Blog is for short trips. Thus was this was the trip that I did share!

Esta viagem pode ser feita de carro, autocaravana ou de moto. Como o Blog se destina exclusivamente para motards, é sobre isso mesmo que vou falar! This trip can be made by car, motor home or motorcycle.

O destino, são os Pirenéus. The goal are Pirenéus mountains. click p/ mapa 1

O primeiro dia terá como destino Jaca. Serão cerca de 850 kms (desde Braga) com duração de 8 horas, se contabilizarmos paragem para almoço ligeiro, reabastecimento de combustível e uma ou outra paragem. Como é o dia com mais quilómetros seguidos, mesmo indo com ideia de acampar, não é mal pensado nesta primeira noite dormir num hotel. Nos Pirenéus pode encontrar muitas opções, desde hotéis de luxo até hostales familiares baratos e asseados. A opção será sempre sua, no entanto vou sugerir um que não é caro. É um hotel (Hotel Centro Ecuestre) conhecido para pessoas que praticam equitação, no entanto é muito frequentado por viageiros de motos. Também vou sugerir um restaurante onde se come um bom assado ou grelhado. ( Biarritz) Existem outros bons, mas fica aqui a minha recomendação. (fotos)



The first day will be Jaca destination. How is the day with the most followed kilometers, even going with the idea of camping is not poorly thought this first night sleeping in a hotel. In the Pyrenees can find plenty of options, from luxury hotels to cheap and clean family hostales. The choice is yours, but I will suggest one that is not expensive. It is a hotel known for people who practice riding, however is frequented by motards. I will also suggest a restaurant (Biarritz) where you can eat a good roast or grilled. There are other good, but here is my recommendation.(photos).

 É no segundo dia que começa a verdadeira aventura. Depois de um bom pequeno-almoço e um café numa esplanada no centro de Jaca, seguido de um cigarro (se for o caso…), ateste o depósito e verifique se realmente carregou a bateria do telemóvel. Assim sendo pegue na moto e siga em direção a Biescas. O destino final é Torla (talvez juntamente com Aínsa e Sort, são as localidades mais bonitas dos Pirenéus). click p/ mapa 2 Em Biescas, siga então em direção a Torla. Este percurso é sinuoso, portanto vá com cautela. Vai desfrutar de uma excelente paisagem. click p/ mapa 3

It is the second day that begins the real adventure. After a good breakfast and coffee on a terrace in the center of Jaca, followed by a cigarette (if any ...), attesting the deposit and verify that really carried the phone battery. So get on the bike and head towards Biescas. The final destination is Torla (perhaps along with Aínsa and Sort, are the most beautiful locations in the Pyrenees). In Biescas, then head towards Torla. This path is winding, so go with caution. Will enjoy a great landscape. (click in the links above to see maps 2 and 3)

Quando chegamos a Torla, ficamos imediatamente impressionados com a enorme massa rochosa de Mondarruego, que se ergue por trás da aldeia, cujos estratos de um cinzento-aço e magníficos tons de laranja sobem abruptamente cerca de mil metros acima do vale. O rio Ara corre lá no fundo e a torre da igreja marca o início da povoação, autêntico miradouro e entrada privilegiada para uma das mais frequentadas áreas do Parque – a do Valle de Ordessa. À medida que percorremos as pequenas vielas de Torla, reparamos nas pitorescas casas de pedra em tons ocres – cor que predomina nas povoações da região – e nos detalhes de arquitetura popular. A oferta turística é excelente e aqui não faltam pequenos hostales para pernoitar. Se a ideia é acampar, o parque de campismo é bom e fica junto ao rio. 

When we arrive to Torla, we were immediately impressed with the huge rock mass Mondarruego, which rises behind the village, whose strata of a steel-gray and magnificent shades of orange rise abruptly about a thousand feet above the valley. The Ara River runs deep down and the church tower marks the beginning of the village, authentic viewpoint and privileged access to one of the busiest areas of the park - the Valle de Ordessa. As we go through the small alleys of Torla, we notice the picturesque stone houses in ocher - color that predominates in the villages of the region - and of folk architecture details. The tourist offer is excellent and here abound small hostales overnight. If the idea is camping, the campsite is good and is next to the river.

see more

#2 - ROTA DAS BARRAGENS / ROUTE OF DAMS

                               perto/near  São Bento do Cando

                              sta Isabel

                              aldeia da Seara
                            Albufeira de Vilarinho das Furnas lake
                            Serra do Gerês /Gerês Mountains
 Homem River
(see more...)

#2 - ROTA DAS BARRAGENS / ROUTE OF DAMS


A proposta é uma volta por uma paisagem de beleza extrema. Proponho passear pela zona mais verde, selvagem e bonita do nosso Norte. este roteiro contorna as fronteiras do Parque Nacional da Peneda Gerês, com saída de Braga, (cidade onde aconselho chegar no dia anterior e disfrutar da nossa gastronomia, arte de bem receber,  simpatia e "movida noturna"). Podem sempre beber um copo no famoso  station blues , (com rock n´roll e blues ao vivo aos fins de semana) e muita animação que o seu dono Tarcisio Duarte proporciona.

The proposal is of a landscape and extreme beauty. I propose touring the greenest area, wild and beautiful of North Portugal. this roadmap outlines the boundaries of the Peneda-Geres, with output Braga, (city where I advise arriving the day before and enjoy our food, art of hospitality, friendliness and "night movida"). You can always have a drink in the famous blues station, (with live rock n 'roll and blues on weekends) and lots of entertainment that  Tarcisio Duarte, the owner provides.


Depois é só pegar a estrada, de manha cedo, se se quiser fazer a volta num só dia, ou então pernoitar algures pelo caminho, (onde não faltam parques de campismo, albergues e pensões). Como conselho será preferivel almoçar frugalmente tipo pic-nic, numa qualquer sombra paradisíaca, em vez de "enfardar" num dos muitos tascos do caminho, cuja comida (à moda do Minho) é feita de quantidade. Contudo em Brufe existe o famoso  O Abocanhado que poderá merecer uma visita. 


Then just hit the road in early morning, if you want to make the turn in one day, or stay overnight somewhere along the way, (where there are a lot of campsites, hostels and pensions). As council will be preferable frugal lunch picnic type, on an paradise shadow instead of "bale" one of the many "tascos" in the way, the food (Stylish Minho) is made of quantity. However in Brufe there is the famous "O abocanhado" that might merit a visit.




clica "ler mais" para ver a continuação deste roteiro:
click "ler mais" to see the continuation of this script:

#1 - De VINHAIS a RIBEIRA de PENA


(in English below)

A proposta é Trás-os-Montes. Atrai-me a rudeza, o cheiro da terra molhada e da bosta, as aldeias e suas parcas gentes, simples e desconfiadas e fundamentalmente as suas variadas paisagens... montes, escarpas, vales, oliveiras, sobreiros e amendoeiras.
Este pequeno troço começa em Vinhais: Vila acastelada, cujo centro Histórico, dentro de muralhas vale uma breve visita.  Para comer bem e barato indico "O Delfim" , na zona alta da vila, num prédio horroroso, cuja fachada nem sequer convida a entrar. Contudo surpreende: um bom fumeiro, (ou vinhais não fosse uma das capitais dele), uma belíssima carne e um ótimo sirah da região, que nem sabia existir. quinta-de-arcosso . Bom!! ... Quanto a hotel , há algumas opções . Desde o Hostel Solar de Rio de Fornos (para grupos) ou um simpático (com piscina) em Rebordelo, a 25kms pela N103. Hotel-refugio-sublime  cujo nome the faz justiça. 

Mas há mais! e o que não faltam são sítios para dormir e/ou comer bem !
O ponto zero deste roteiro sai precisamente deste último, Arrancando pela esquerda e seguindo por breve trecho (0,4 km) a nacional N315, derivando logo a seguir, num casario, para a esquerda, metendo num estradão de terra. (ponto 2)

click " ler mais " para ver o roteiro do percurso / to see more...

#1 - de VINHAIS a RIBEIRA de PENA

rio Tuela (ponto 15)

nora ,Rio Tuela (ponto 15)
passagem pelas arvores (entre pontos 18-19)
 Restaurante Maria Rita (by Miguel F Costa ) (Ponto 22)
Jerusalém do Romeu (by Américo Vieira ) (Ponto 21)

GPS ?

Este é um acessório polémico!

Há quem o ache imprescindível , há quem o evite, e há aqueles que, como eu, não tiram todas as potencialidades dele e o utilizem apenas em casos de "tottaly lost". Por isso, é muito raro eu utilizá-lo como instrumento de navegação. Na realidade acho até que utilizar o GPS como "comandante" de uma viagem é limitador do prazer de descoberta e de surpresa. "leva-ma até A. pelo caminho mais curto? ou pelo mais rápido? ... calculando rota!!" e eis-nos a ouvir a feminina máquina..." 200 mt `na rotunda, segunda saída ... 100mts... 30mts.... saia à direita!! etc.. etc...chegou ao seu destino!"

Contudo um GPS tem outras potencialidades: por exemplo sem ele não seria possível expor aqui os meus "Roteiros", já que com ele gravo os "tracks". Sem ele seria também muito mais difícil descobrir caminhos remotos, já que utilizo muito a opção de "ir para A" (local remoto e distante) com a opção "evitar estrada" ligada. Com ele também me localizo, principalmente quando não faço a mínima ideia onde estou, ou quando quero encontrar uma bomba de gasolina ou outra qualquer utilidade. Utilizo também muito a Bússula e o seu mapa topográfico (carta militar). E com ele faço esporadicamente provas de navegação. Agora há uma coisa que nunca uso; O Som!

No fundo, acho um equipamento imprescindível, assim como uma tomada de isqueiro para o alimentar e uma pilha sobresselente em bom estado. Eu uso um velhinho e pesado Garmin 276c e apesar de já haverem hoje em dia coisas muito melhores,  não o troco por nada !

This is a controversial accessory!
Some find the essential, there are those who avoid, and there are those who, like me, do not take the full potential of it and use only in cases of "tottaly lost". So it is very rare that I use it as a navigational tool. In fact I even think to use the GPS as "commander" of a trip is limiting the pleasure of discovery and surprise. "takes up ma A. the shortest way? or the fastest? ... !! calculating route" and here we hear the female machine ... "'200 meters at the roundabout, second exit ... ... 30mts 100mts .... get off right !! etc .. etc ... reached its destination! "
Yet GPS has other benefits: for example without it would not be possible here to expose my "Roadmaps", as I record it with the "tracks". Without it would also be much more difficult to discover remote paths, as much use the option to "go to A" (remote and distant location) with the "avoid road" on. With it also locate me, especially when I have no idea where I am or when I want to find a gas station or any other utility. I use too much to Compass and its topographic map (military map). And with it sporadically make navigation evidence. Now there's something I never use; The Sound!
Deep down, I think an essential equipment as well as a cigarette lighter socket for the food and a spare battery in good condition. I use an old man and heavy Garmin 276C and although they had already nowadays things much better, not trade for anything!



O KIT REPARAÇÃO de FUROS


Essencial em qualquer conjunto de ferramentas. Este, particularmente, é muito bom e completo, tendo já sido útil diversas vezes. não é necessario adquirir-se um de marca ou caro, já que existem no mercado coisas boas e baratas. na All4car (encomendas para  central@all4car.pt) e http://www.all4car.pt/index.asp custa apenas 19.90+Iva


o Kit contém:  Punchador - furador - tiras de borracha (5 pcs) - 6 g cola mastic - cortador - regulador  pressão - Adaptador Flexivel - Racord - 3 Recargas (16 g)

Essential in any set of tools. This, particularly, is very good and complete, having been helpful several times. it is not necessary to acquire a brand or expensive, as there are in the market good and cheap things. in All4car (orders for central@all4car.pt) and http://www.all4car.pt/index.asp costs only 19.90 + Iva