#31 P.N SOMIEDO - NATURAL PARK OF SOMIEDO (spain)




O Parque Natural de Somiedo estende-se por cinco vales: Saliencia, Valle de Lago, Puerto e Pola de Somiedo capital do município, abraçando uma extensão de cerca de 300 kms quadrados.

Toda esta região está dentro do Parque Natural, declarada em 2000 por Reserva de Biosfera.

Neste Parque contamos com um específico ecossistema que leva “impresso geneticamente” a marca do urso pardo cantábrico.

A viagem



Conforme a introdução, o destino desta viagem é Pola de Somiedo e visitar o seu belo Parque Natural.
A viagem é curta e faz-se bem. São cerca de 400 kms. Resolvi ir pelo Lindoso, estrada mais sinuosa mas mais agradável e o tempo chegava para disfrutar das belas paisagens da região. Tinha planeado chegar a Pola de Somiedo pela hora de almoço, para ter tempo de arranjar alojamento e depois conhecer a vila, mas durante a viagem, em O Barco (Espanha), decidi visitar Las Médulas (antiga mina de ouro romana) e as suas formações geológicas. Perdi muito tempo na visita, o acesso a veículos motorizados é proibido, no qual tive que caminhar durante 30 minutos sob um sol abrasador, só para visitar Las cuevas, pois para ir às Médulas, necessitaria de mais uma hora de caminhada! Desisti e depois de visitar Las Cuevas, segui viagem


Em Villablino, começamos a entrar no “ambiente” do Parque Natural. Estradas mais sinuosas, mais estreitas, paisagem verdejante …e mais fresco!
Chegado a Pola de Somiedo, pelo fim da tarde, tratei do alojamento e depois de um bom banho, fui conhecer a vila. Não tem o ambiente de turismo massificado com lojas de comércio e restaurantes para turista, coisa que se começa a ver em algumas zonas dos Picos Europa. Pelo contrário, o ambiente é muito calmo, bom para pessoas com espírito de procurar sossego e fazer montanhismo. Encontrei pessoas de todas as idades, com um único propósito: fazer caminhadas pela montanha. Existem alguns restaurantes com esplanadas agradáveis e boa comida. Jantei favadas e “cachupos”(tipo cordon blue asturiano) acompanhado com sidra.



Deitei-me cedo. No dia seguinte queria madrugar para conhecer os lagos de Valle e de Saliencia.


De madrugada e depois de um bom pequeno-almoço, rumei a Valle de Lago. São 8 kms de estrada sinuosa, sempre a subir a montanha.




Chegando à localidade, visitar o lago de Valle, será necessário percorrer 5kms pela montanha a pé, o que representa cerca de 2 horas de caminhada! Vale a pena mais pela paisagem do que pelo lago!
 



De regresso à vila de Valle de Lago, dirigi-me ao lago de Saliencia. A ligação entre os lagos, pode ser feita a pé pela montanha, mas era muito para mim. Fiz a ligação de moto pela montanha.

A paisagem é deslumbrante e apesar dos avisos na estrada de possível encontro imediato com algum urso, penso que não passa disso mesmo…um aviso!



 

Em Saliencia existem três pequenos lagos. Fui visitar somente o primeiro. É um percurso de 20 a 30 minutos a pé de dificuldade baixa.



























Resumo:

Foi uma viagem de dois dias, mas o ideal é aproveitar um fim-de-semana prolongado.

Gostei muito da região do Parque Natural, particularmente pelo facto de ainda não ter um turismo de massas! Ideal para quem gosta de fazer percursos a pé e desfrutar o que de belo tem a Natureza. A gastronomia é muito boa, mas oferta hoteleira é pouca, pelo que é aconselhável reservar com certa antecedência! 

por: Constantino Sousa

Sem comentários:

Enviar um comentário